Robbialac

Com o objetivo de controlar com veracidade, facilidade e fiabilidade os ativos fixos da empresa, a Robbialac procurou um software de gestão que simplificasse o trabalho diário da organização.

A Tintas Robbialac SA  é uma empresa que pertence ao grupo Cromology – um dos líderes mundiais no mercado das “Tintas.” Fundada em 1931, a Tintas Robbialac, SA desenvolve a sua atividade em quatro grandes áreas de negócio: Tintas Decorativas, Isolamento Térmico, Proteção e Manutenção e Repintura Automóvel. A empresa tem 86 anos e conta com 280 colaboradores.

Opera atualmente com uma fábrica e um armazém em Lisboa e uma vasta rede de distribuição com mais de 800 pontos de venda, incluindo uma rede integrada de 58 lojas próprias e cerca de 100 revendedores exclusivos.

Com o objetivo de controlar com veracidade, facilidade e fiabilidade os ativos fixos da empresa, a Robbialac procurou um software de gestão que simplificasse o trabalho diário da organização.

Após um levantamento das necessidades, surgiu a decisão de optar pela solução PHC CS na gama Corporate, apresentada e desenvolvida pela Additive, parceiro PHC.

 

Solução escolhida

Segundo Charles Ternacle, Diretor Financeiro da Robbialac: “A gestão e o controlo dos ativos é uma componente importante para qualquer negócio, uma vez que reflete o património da própria empresa.

A Robbialac, além de ser uma empresa industrial de referência no seu setor, é também um ator importante de Retalho em Portugal com uma rede integrada de cerca de 60 lojas. Daí ter surgido a necessidade de encontrar uma solução que permitisse por um lado, agilizar o processo da gestão dos ativos da empresa e por outro lado, melhorar os procedimentos associados ao ciclo de vida destes.

A solução Corporate foi escolhida por responder as estas necessidades e permitir melhorar consideravelmente a monitorização e gestão dos ativos.”

 

Benefícios do Projeto

“A empresa tem 60 estabelecimentos. Por isso a gestão dos ativos tem um grau de complexidade elevado.

Esta plataforma permite manter o registo dos ativos fixos atualizado, facilita a sua inventariação e o controlo dos movimentos físicos que ocorrem durante a vida útil dos bens.

Aproveitamos também para rever os procedimentos de transferência e de abate e para redesenhar a identificação física de todas as componentes do ativo.

Além das obrigações fiscais que existem em relação aos ativos fixos, este projeto foi realizado com o objetivo de melhorar o nível de controlo interno, que é essencial numa empresa do tamanho da Robbialac.” Referiu Charles Ternacle.

Outubro 2015