Portos e Caminhos de ferro de Moçambique

CFM beneficia da capacidade de integração do Software PHC

A CFM (Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique) é uma empresa de referência no mercado Moçambicano, sendo responsável pela gestão da rede de transportes ferroviários e portuários do país.

Solução escolhida

A empresa CFM arrancou em Janeiro de 2007 com a implementação de um sistema de informação de gestão integrado PHC. A escolha recaiu sobre o PHC Enterprise com os módulos PHC Gestão, PHC Contabilidade, PHC Pessoal, PHC Recursos Humanos e PHC ControlDoc.

O principal objectivo é manter os gestores da Empresa, aos vários níveis, permanentemente informados sobre a situação da organização, garantindo-lhes em simultâneo uma maior fiabilidade da informação e facilitando-lhes a tomada de decisões informadas. Conscientes de que a informação é o elemento chave para o sucesso na gestão de qualquer organização, a CFM optou por uma informatização integrada que progressivamente deverá abranger todas as operações da empresa. Neste contexto, foram implementados módulos específicos para as áreas de Contabilidade, Gestão de Custos, Proveitos e Tesouraria, Imobilizado, Pessoal (processamento de salários), Recursos Humanos e Controlo documental.

Durante os 2 primeiros anos já foi possível obter ganhos da implementação do Software PHC; pela primeira vez, em vários anos, a CFM voltou a ter a sua Contabilidade em dia. Esta realidade decorre do facto do exercício contabilístico desde Janeiro de 2007 estar lançado no novo sistema Informático, que engloba numa única aplicação a informação de todos os centros de operação espalhados pelo vasto território nacional. O módulo PHC Pessoal foi implementado e os salários processados no novo Sistema desde Agosto de 2007. O módulo PHC Gestão nas suas diversas vertentes (Proveitos, Custos e Tesouraria), integrado com o sistema contabilístico, permitiu igualmente uma coerência de informação e a execução do report contabilístico em tempo real.

Depois de consolidada a primeira fase, o Sistema de Informação de Gestão (MIS), também designado por ERP (Enterprise Resource Planning), dá suporte à actividade operacional da empresa, assegurando a gestão e o controlo dos processos que suportam as operações ferroviárias.

Na segunda fase foram integradas todas as actividades operacionais com impacto nos processos financeiros e posteriormente as relacionadas com a gestão do material circulante como são os vagões, as locomotivas e os encerados.

 

Escolha do Implementador

Segundo o Dr. João Vieira, Consultor da CFM, a escolha recaiu pela PHC “por se ter mostrado a solução mais parametrizável e por possuir uma equipa implementadora com competências globais sediada em Maputo”.

A implementação do ERP PHC foi realizada na Sede (Maputo), na Direcção Executiva da CFM-Sul, na Direcção Executiva da CFM-Centro e na Direcção Executiva da CFM-Norte. O Software PHC está também progressivamente a ser implementado nos Centros de Resultados (CR) /Unidades de Negócio espalhados pelo país. O Servidor Central do ERP está sedeado em Maputo e através da infra-estrutura de transmissão de dados, está acessível, de forma gradual e em regime on-line, a partir da sede e de todas as Direcções Executivas e Centros de Negócio (UN’s).

A implementação de um sistema desta natureza resulta em benefícios apreciáveis para a empresa, particularmente no que respeita à disponibilidade de informação de gestão de elevada qualidade, pois permite a tomada de decisões informadas e em tempo útil.

 

Benefícios da solução

A implementação do Software PHC veio responder a uma necessidade nova na CFM, decorrente da reforma institucional em curso na empresa. Com a política de concessões que abraçou, a CFM concentra-se, doravante, na gestão do seu património, das suas participações financeiras e das unidades não concessionadas, através da criação de centros de resultados e da promoção e do desenvolvimento de infra-estruturas ferro-portuárias e de serviços.

Por outro lado, a empresa vira-se para a diversificação das suas actividades, alargando a base da sua intervenção para outras áreas, rentabilizando desta forma o seu imenso activo de modo a assegurar a sua sustentabilidade, a médio e longo prazos.

Neste contexto, o Sistema de Informação de Gestão Integrado surge como um importante instrumento para a CFM responder adequadamente a estes novos desafios, pois permitirá que os seus gestores recebam informação mais fiável de todos os negócios da empresa e em tempo real.

Recorde-se que em 2006 os processos de gestão contabilística e financeira da CFM eram ainda manuais ou semi-manuais, o que não permitia que se produzisse informação com fiabilidade. Por outro lado, a empresa possuía diversas aplicações informáticas dispersas e não integradas, o que fazia com que os gestores não recebessem informação em tempo útil para a tomada de decisões importantes.

“A partir daquele momento, a empresa fez uma viragem e abraçou um sistema moderno de gestão, o Software PHC, adequado à nova realidade empresarial.”, sublinha o Director do serviço de Informática da empresa, Engº Avito Francisco da Cruz Jequicene.

País: Moçambique

Artigos Relacionados