Waxdecor

Com o PHC Corporate CS, a Waxdecor passou a dar resposta rápida aos pedidos dos parceiros e a ter total controlo dos stocks, das contas correntes e das análises de rentabilidade.

 Fundado em 1999, o Grupo Waxdecor é composto por três empresas, a Waxdecor, a World Shop, Importação e Exportação de Artigos Decorativos, Lda e a Contabilidade Proactiva – Contabilidade, Fiscalidade e Apoio Gestão, Lda.

Com sede na Maia, e lojas em todo o País, o grupo é especializado na comercialização de artigos decorativos e representante exclusivo de várias marcas, como a Yankee Candle, a Jason e a Nippon, tendo recentemente adquirido também a representação da Clayre & Eef. O grupo distingue-se pela qualidade dos seus produtos, pela assistência pós-venda e pela boa estratégia de marketing.

 

 

Com o objectivo de melhorar ainda mais o seu funcionamento e desenvolvimento, a Waxdecor decidiu investir num software de gestão que respondesse e satisfizesse todos os requisitos da empresa ao mesmo tempo que dinamizasse o negócio.

Solução escolhida

Segundo Miguel Silva, um dos dois gerentes da Waxdecor, as soluções da PHC “eram as mais funcionais e as que garantiam os melhores resultados, permitindo a criação de mecanismos de maior controlo que estavam ajustados às necessidades de compra da empresa, e as que possuíam a melhor eficiência face às soluções que foram estudadas de outros fornecedores”.

Depois de consultar a CMI – Castelo da Maia Informática, a empresa optou pela implementação do PHC Corporate CS, com os módulos PHC Gestão, PHC Contabilidade, PHC Pessoal e PHC POS.

A empresa Parceira PHC necessitou apenas de quatro dias até o arranque do projeto, os quais incluíram as fases de Definição do Projeto, Formação da Equipa de Trabalho; Desenho de Processos; Protótipo; Preparação do Arranque e Arranque, altura em que foram também realizados os testes finais.

Benefícios do projecto

Miguel Silva aponta várias vantagens da aposta no Software PHC, salientando o “eficiente controlo de stocks, das contas correntes e das análises de rentabilidade que a empresa passou a ter”. Com esta solução, o grupo “consegue dar respostas de forma rápida e segura aos pedidos constantes dos seus parceiros, como por exemplo, na área de controlo de encomendas”, continuou o mesmo responsável.

Com o decorrer do tempo, e dado o crescimento sustentável do grupo, a empresa “terá necessidade de investir em mais lojas e, consequentemente, em mais módulos, pelo que está em vista a possibilidade de upgrade para uma outra gama do Software PHC”, rematou Miguel Silva.

Setembro 2012

Leave a comment